Histórico


    Votação
     Dê uma nota para meu blog


    Outros sites
     Jornal da Praça
     Preto & branco em cor
     Jornal apocalipse


     
     
    A Saideira


    enquanto a saideira não vem...

     

     

    A cidade encerrada no acaso de escombros

    O dia mal-feito

    A mão tímida

    Refletida

    Em mangas de rendas

    O barulho de exaustores versus pássaros

    Sem penas

    Nem Sol

    Os cantos tomados de assaltos

    Os sustos de meninas em alamedas escuras

    Rabiscadas nos lamentos de esquinas

    Grafitadas na beleza temperada

    Que sem querer te empareda

    Até que um dia

    Na cidade mal-feita

    Cheia de belas vistas

    Pouco te resta

    E entre o pouco

    E teu corpo

    Sobra o vazio atrás da porta

    Afinal, o que é mesmo o barulho do vento

    Senão uma janela

    Mal-fechada?

     

     

     

    e ao fechar a janela

    não esqueça do barulho do vento

    ou das mentiras

    deixadas de lado

    enquanto lá fora

    alguém ainda caminha

    em ruas escuras

    só pra deixar falar

    o coração


     

    rebecca nf

    poemas que estão na edição#34 do Café Literário

    especial para a saideira

     



    Escrito por rebecca às 05:58:56
    [ ] [ ]



    cheiro de café novinho...

    Café Literário#34

    lançamento dia 15/12



    Escrito por rebecca às 05:47:54
    [ ] [ ]




    [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]