Histórico


    Votação
     Dê uma nota para meu blog


    Outros sites
     Jornal da Praça
     Preto & branco em cor
     Jornal apocalipse


     
     
    A Saideira


    a gente nunca perde a deixa, nem a licença poética, nem a mão, nem o dom (de ser poeta ou de ser mãe - sei lá)

    Maria, minha pequena desculpa para acordar na madrugada Minha deixa para dar bom dia e entrar em cena com a maria mais linda de todas A menina dos sonhos Dos olhos enormes que mora no quarto do lado do meu Que dorme no colo que é meu Que sonha seu sono tranquilo sem saber quando ou como adormeceu Dorme minha maria, que ao acordar sobrará tua alegria distante de qualquer perigo e na tua boca de quatro dentes a sorrir, saberei, você terá sonhado comigo

     

    rebecca nfm (m de mãe)



    Escrito por rebecca às 07:59:05
    [ ] [ ]




    [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]